Facebook

sábado, 25 de setembro de 2010

O Pintinhas Azuis


Um dia, numa capoeira nasceram seis pintainhos diferentes. Mas havia um mais diferente que os outros – era amarelo salpicado com pintinhas azuis! Os irmãos zombavam dele, no início às escondidas, depois à descarada. cada dia que passava, mais o Martim ficava triste com a atitude dos irmãos, que o deixavam sempre fora das brincadeiras.

Até que aprenderam que as diferenças distinguem-nos e não devem separar-nos. Não importa a cor das penas, pois todos podemos ser amigos e úteis uns aos outros.

História de Ana Ferreira
Música de David Neutel
Ilustrações de Maria João Fradique
Narração Joana Cruz

Pode adquirir aqui

Sem comentários:

Enviar um comentário